Premiados do VIII Curta Canoa

Memórias Externas de uma Mulher Serrilhada, de Eduardo Kishimoto

Após participar do júri do Prêmio Aquisição Canal Brasil no Amazonas Film Festival 2012, fui convidado para integrar o júri oficial da oitava edição do Curta Canoa – Festival Latino-americano de Cinema de Canoa Quebrada. Desde que eu entrei no Cinema com Rapadura, acompanho a evolução da curadoria e, principalmente, do que tem sido feito em curta-metragem no Brasil. Ao lado de Rodrigo Rodrigues e Ricardo Andrés Bessa, decidimos os melhores filmes e vídeos da mostra competitiva desse ano. A curadoria estava afiada, com destaque aos ótimos representantes de São Paulo. Foi uma ótima experiência e acredito termos feito um bom trabalho. Veja abaixo os vencedores, anunciados no dia 15 de dezembro:

CATEGORIA FILME

MELHOR FILME: L, de Thais Fujinaga (SP)
MELHOR DIREÇÃO: Memórias Externas de uma Mulher Serrilhada, de Eduardo Kishimoto (SP) FOTO
MELHOR ROTEIRO: Linear, de Amir Admoni (SP)
MELHOR FOTOGRAFIA: 5 Horas Rumo Norte, de Paula Sabagga (SP)
MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL: 5 Horas Rumo Norte, de Paula Sabagga (SP)
MELHOR DIREÇÃO DE ARTE: De Outros Carnavais, de Paulo Miranda (SP)
MELHOR ATOR: Silvio Matos, por Uma, Duas Semanas (SP)
MELHOR ATRIZ: Ana Georgina Castro, por Memórias Externas de uma Mulher Serrilhada (SP)
MELHOR SOM: Linear, de Amir Admoni (SP)
MENÇÃO HONROSA: Piove, Il Film de Pio, de Thiago Mendonça (SP)

CATEGORIA VIDEO

MELHOR VÍDEO: Todos os Balões Vão Para o Céu, de Frederico Cabral (RS)
MELHOR DIREÇÃO: A Noite dos Palhaços Mudos, de Juliano Luccas (SP)
MELHOR ROTEIRO: Todos os Balões Vão Para o Céu, de Frederico Cabral (RS)
MELHOR FOTOGRAFIA: O Pau da Bandeira, de Felipe Wenceslau (PB)
MELHOR TRILHA ORIGINAL: Quindins, de Giuliana Danza e David Mussel (MG)
MELHOR DIREÇÃO DE ARTE: Anachronique, de Mario Masseti (SP)
MELHOR SOM: Hooji, de Marcello Quintella e Boynard (RJ)
MENÇÃO HONROSA: Damas da Liberdade, de Joe Pimentel e Celia Gurgel (CE)

(Visited 17 times, 1 visits today)