Posts Marcados: Meryl Streep

Mamma Mia! Here We Go Again

Crítica | Mamma Mia! Lá Vamos Nós de Novo (2018), de Ol Parker

Avaliação: 2,5/5 Em 2008, “Mamma Mia!” foi sucesso absoluto de bilheteria, com arrecadação de mais de US$ 600 milhões no mundo, e recebeu duas indicações ao Globo de Ouro. Além de um elenco estelar que teve o desafio de cantar,

Mamma Mia! Here We Go Again

Crítica | Mamma Mia! Lá Vamos Nós de Novo (2018), de Ol Parker

Avaliação: 2,5/5 Em 2008, “Mamma Mia!” foi sucesso absoluto de bilheteria, com arrecadação de mais de US$ 600 milhões no mundo, e recebeu duas indicações ao Globo de Ouro. Além de um elenco estelar que teve o desafio de cantar,

INTO THE WOODS

Crítica | Caminhos da Floresta (2014), de Rob Marshall

Avaliação: Regular Stephen Sondheim é um respeitado compositor e letrista com uma carreira invejável. Levou aos palcos obras como os excelentes “Sweeney Todd” e “West Side Story”, que também viraram estrelas do cinema. A nova empreitada do diretor Rob Marshall

INTO THE WOODS

Crítica | Caminhos da Floresta (2014), de Rob Marshall

Avaliação: Regular Stephen Sondheim é um respeitado compositor e letrista com uma carreira invejável. Levou aos palcos obras como os excelentes “Sweeney Todd” e “West Side Story”, que também viraram estrelas do cinema. A nova empreitada do diretor Rob Marshall

Boyhood Oscar

Academia divulga a lista completa dos indicados ao Oscar 2015

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas revelou na manhã desta quinta-feira (15) os indicados ao Oscar 2015. “Birdman” e “O Grande Hotel Budapeste” lideraram com nove indicações cada, seguidos de “O Jogo da Imitação” com oito e “Boyhood –

Boyhood Oscar

Academia divulga a lista completa dos indicados ao Oscar 2015

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas revelou na manhã desta quinta-feira (15) os indicados ao Oscar 2015. “Birdman” e “O Grande Hotel Budapeste” lideraram com nove indicações cada, seguidos de “O Jogo da Imitação” com oito e “Boyhood –

Review | O Doador de Memórias (2014), de Phillip Noyce

Lois Lowry escreveu “O Doador de Memórias” em 1993 como parte de uma quadrilogia inspirada em um mesmo futuro distópico. A obra virou obrigatória nas escolas americanas principalmente por seguir uma narrativa mais filosófica, cujos conflitos não se dão por

Review | O Doador de Memórias (2014), de Phillip Noyce

Lois Lowry escreveu “O Doador de Memórias” em 1993 como parte de uma quadrilogia inspirada em um mesmo futuro distópico. A obra virou obrigatória nas escolas americanas principalmente por seguir uma narrativa mais filosófica, cujos conflitos não se dão por