CAIXA Cultural Fortaleza recebe mostra audiovisual sobre Paulo Leminski

Ex Isto, de Cao Guimarães

Curtas e longas-metragens sobre Paulo Leminski (1944-1989) entram em cartaz de 13 a 18 de outubro na CAIXA Cultural Fortaleza, dentro da programação da exposição Múltiplo Leminski. Todos os vídeos selecionados pela curadoria têm alguma ligação com o poeta, entre eles o longa “Ex-Isto” (foto), de Cao Guimarães. A entrada é gratuita.

A exposição Múltiplo Leminski ocupa as galerias da CAIXA Cultural Fortaleza, reunindo mais de mil objetos originais entre fotos, livros, pinturas, poesias, vídeos e filmes. A curadoria é assinada por Alice Ruiz e as filhas do poeta, Aurea e Estrela Ruiz. A exposição está distribuída em espaços cênicos, painéis e vitrines. O espaço Infanto-juvenil propõe atividades lúdicas e apresenta referências sobre dois livros escritos por Leminski para os pequenos: Guerra dentro da gente e Lua no cinema. A exposição continua em Fortaleza até o dia 08 de novembro.

Programação – Mostra Paulo Leminski

13 de outubro, às 19h
O POETA, 2001, curta-metragem de Paulo Munhoz que mistura técnicas de animação 2D, 3D e rotoscopia sobre imagens captadas digitalmente. O ponto de partida é o poeta que deseja escrever uma carta sobre sua cidade. 5min. Classificação: Livre

BELOWARS, 2008, longa-metragem, direção de Paulo Munhoz, direção de animação de Walkir. Animação 2D. Roteiro baseado no livro infanto-juvenil “Guerra dentro da gente” de Paulo Leminski. 71min. Classificação: Livre

14 de outubro, às 19h30
POLACO LOCO PACA, 1987, de João Knijinik. Curta-metragem histórico que cobre a passagem dos Leminski pela cidade de Porto Alegre na década de 80. 10min. Classificação: Livre

FAZIA POESIA – POEMAS DE PAULO LEMINSKI, 2004, de Carlos Deiró e Mario Gallera. Leitura de poemas intercalada com apresentação musical de parcerias de Paulo Leminski e Mário Gallera. Com Alice Ruiz, Aurea Leminski, Estrela Leminski, Paulo Vitola e Má rio Gallera. 30min. Classificação: Livre

15 de outubro, às19h
EX ISTO, 2010, de Cao Guimarães. Um filme livremente inspirado na obra Catatau, de Paulo Leminski. O poeta imaginou uma hipótese histórica: “E se René Descartes tivesse vindo ao Brasil com Maurício de Nassau?”. Interpretado por João Miguel, o personagem envereda pelos trópicos, selvagem e contemporâneo, sob o efeito de ervas alucinógenas, investigando questões da geometria e da ótica diante de um mundo absolutamente estranho. 86 min. Classificação: 14 Anos

16 de outubro, às 19h30
ERVILHA DA FANTASIA – UMA ÓPERA PAULO LEMINSKIANA, 1985, de Werner Schumann. Bem-humorado documentário estruturado a partir de uma antológica entrevista que Leminski concedeu a Werner, em que discorre sobre o processo de criação, especialmente a poesia. Com Sylvio Back, Geraldo Magela e Paulo Friebe. 30min. Classificação: Livre

17 de outubro, às 16h
O POETA, 2001, curta-metragem de Paulo Munhoz que mistura técnicas de animação 2D, 3D e rotoscopia sobre imagens captadas digitalmente. O ponto de partida é o poeta que deseja escrever uma carta sobre sua cidade. 5min. Classificação: Livre

BELOWARS, 2008, longa-metragem, direção de Paulo Munhoz, direção de animação de Walkir. Animação 2D. Roteiro baseado no livro infanto juvenil “Guerra dentro da gente” de Paulo Leminski. 71min. Classificação: Livre

17 de outubro, às 18h30
POLACO LOCO PACA, 1987, de João Knijinik. Curta-metragem histórico que cobre a passagem dos Leminski pela cidade de Porto Alegre na década de 80. 10min. Classificação: Livre

FAZIA POESIA – POEMAS DE PAULO LEMINSKI, 2004, de Carlos Deiró e Mario Gallera. Leitura de poemas intercalado com apresentação musical de parcerias de Paulo Leminski e Mário Gallera. Com Alice Ruiz, Aurea Leminski, Estrela Leminski, Paulo Vitola e Mário Gallera. 30min. Classificação: Livre

18 de outubro, às 16h
EX ISTO, 2010, de Cao Guimarães. Um filme livremente inspirado na obra Catatau, de Paulo Leminski. O poeta imaginou uma hipótese histórica: “E se René Descartes tivesse vindo ao Brasil com Maurício de Nassau?”. Interpretado por João Miguel, o personagem envereda pelos trópicos, selvagem e contemporâneo, sob o efeito de ervas alucinógenas, investigando questões da geometria e da ótica diante de um mundo absolutamente estranho. 86 min. Classificação: 14 Anos

18 de outubro, às 19h
ERVILHA DA FANTASIA – UMA ÓPERA PAULO LEMINSKIANA, 1985, de Werner Schumann. Bem-humorado documentário estruturado a partir de uma antológica entrevista que Leminski concedeu a Werner, em que discorre sobre o processo de criação, especialmente a poesia. Com Sylvio Back, Geraldo Magela e Paulo Friebe. 30min. Classificação: Livre